Carlo Ratti

 
Arquiteto e engenheiro por formação, Carlo Ratti é professor na MIT (Massachusetts Institute of Technology) onde dirige o Sensible City Lab, e é um dos fundadores do Carlo Ratti Associati, um estúdio de design internacional e inovação. Licenciado pelo Politécnico de Turim e pela École Nacional des Poets et Chaussées em Paris, obteve um Mestrado e um Doutoramento na Universidade de Cambridge no Reino Unido. Carlo Ratti é uma das vozes mais importantes no debate sobre o impacto urbano e design das novas tecnologias. É co-autor de mais de 500 publicações, tais como “The City of Tomorrow” (Yale University Press com Matthew Claudel) e tem várias patentes técnicas. Os seus artigos e entrevistas foram publicados internacionalmente em meios como The New York Times, The Wall Street Journal, The Washington Post, Financial Times, Scientific American, BBC, Project Syndicate, Corriere della Sera, Il Sole 24 Ore e Domus. Os seus trabalhos foram mostrados pelo mundo inteiro como por exemplo na Biennale de Veneza, no Museu de Design de Barcelona, no Museu de Ciência de Londres, no MAXXI em Roma e no MoMA em Nova Iorque.

Ratti integra a lista “Best & Brightest” da Esquire Magazine e a lista dos “60 inovadores” que estão a moldar o nosso futuro criativo, da Thames & Hudson. A Blueprint Magazine mencionou-o como uma das “25 pessoas que irão mudar o mundo do design”, a Forbes inseriu-o na lista de “Nomes que precisas de conhecer” e a Fast Company nomeou-o como um dos “50 designers mais influentes da América”. A Wired Magazine juntou-o à “Smart List: 50 pessoas que vão mudar o mundo”. Três dos seus projetos - o Digital Water Pavillion, o Copenhagen Wheel e o Scribit - foram incluídos pela TIME Magazine na lista das “Melhores Invenções do Ano”

Carlo Ratti foi apresentador no TED (em 2011 e em 2015), diretor de programa no instituto Streak de Media, Arquitetura e Design de Moscovo, curador do pavilhão da BMW Guggenheim em Berlim e foi nomeado Inovador Inaugural em Residência pelo governo de Queensland. Foi curador do pavilhão Future Food District para a Expo Mundial de Milão e curador chefe da secção “Eyes on the City” na Bienal de Arquitetura e Urbanismo de Shenzhen de 2019. Neste momento é co-presidente do Conselho Global do Futuro das Cidades e urbanização no Fórum Económico Mundial.